Dom Feliciano decreta Situação de Emergência devido às enxurradas

Devido à precipitação de 110 mm de chuva em menos de 12 horas na madrugada de 24 de setembro, além do volume acima da média nos últimos dias, o Município contabiliza estragos em estradas, pontes, bueiros, além do destelhamento de casas ? provocados pelo vendaval. O prefeito Clenio Boeira decreta hoje, 26 de setembro, situação de emergência, considerando também a descontinuidade no serviço de transporte escolar, provocado por interrupções em estradas e serviços prestados a pacientes em tratamento eletivo, atendidos pela Secretaria de Saúde. Também foram atingidas lavouras de milho, feijão e fumo.O executivo mobiliza todos os órgãos municipais para atuarem sob a coordenação do COMDEC – Defesa Civil, nas ações de resposta ao desastre e reconstrução do cenário existente.  Ontem, 25, o prefeito convocou representantes de todas as secretarias para levantamentos dos prejuízos. ?Foi feito levantamento prévio, e hoje aconteceu nova reunião que levou a decisão pela Situação de Emergência?, considera Clenio. ?Continuamos fazendo levantamento documental – fotografias e coordenadas de GPS, e, à tarde, estará no Município, o coordenador da Defesa Civil da região sul, tenente coronel Rodrigo, que vai nos orientar como proceder diante do processo de avaliação das perdas?.