Alunas de Dom Feliciano expõem na Expoagro Afubra

Desde ontem, 21 de março, as alunas Claudia Kucharski Fyszer e Eren Nicoly Pereira da Silva da Gama, do oitavo ano da Escola Municipal de Ensino Fundamental Padre Constantino, participam da 13ª Mostra Científica Verde é Vida/Etapa Sul-Brasileira da Expoagro Afubra, com a pesquisa Energia Solar Fotovoltaica, coordenada pela professora Joice Kolesny. Elas passaram por etapas escolares no Município e com outras 15 escolas da região e estão entre os 13 trabalhos finalistas para etapas estaduais, que envolvem Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. O trabalho está exposto na praça do Espaço de Inovação do Agro, à esquerda do pórtico principal do parque, em Rincão del Rey, Rio Pardo (RS), até o dia 24, com todas despesas pagas pelo Verde é Vida, programa de educação socioambiental e rural da AFUBRA – Associação dos Fumicultores do Brasil.

Além da energia solar, exposta pelas donfelicianenses, outros temas compõem esta edição da Mostra Científica: inovação na propriedade, ecocultivo, chuvas, dengue, noz pecã, fertilizantes naturais, levantamento de fauna, erva-mate, alimentação saudável, fitoterapia e mostruário de sementes de plantas nativas.

Os outros dois eventos do Verde é Vida serão realizados hoje, 22, o Fórum Sul-Brasileiro de Educação Rural, e, no dia 24, o Fórum Sul-Brasileiro de Grupos Ambientais (GAs). O Fórum Sul-Brasileiro de Educação Rural ocorre durante o dia todo e acontece na Sala 1 do Espaço de Inovação do Agro. Estarão reunidos representantes de secretarias municipais de educação e professores dos três estados do Sul para discutir a educação rural em nível local e regional. A programação será dividida em quatro painéis: Educação rural e o papel do município; Educação rural e o papel da escola; Educação rural e o papel da iniciativa privada; e relato de experiências de escolas parceiras do Verde é Vida.

 

E o Fórum Sul-Brasileiro de Grupos Ambientais será no palco principal da feira, no Espaço da Inovação do Agro, nos turnos manhã e tarde de sexta-feira, último dia da Expoagro Afubra 2023. Conforme José Leon, o evento reunirá professores e alunos dos grupos ambientais das escolas parceiras nos três estados do Sul do Brasil para discutir ações dos grupos ambientais em suas escolas e comunidades. Serão quatro painéis: Grupos Ambientais na visão do professor; relato de experiências de professores; Grupos Ambientais na visão do aluno; e relatos de experiências de alunos.

 

Espaço de inovação do Agro

Para a realização das atividades do Espaço, a Afubra conta com parceiros como o SENAC – Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial, a Escola do Chimarrão e entidades culturais. O Senac realizará (na sala 3) oficinas de gastronomia com produtos do agro ao longo do evento. A Escola do Chimarrão estará na praça do Espaço de Inovação, onde realizará oficinas sobre o preparo de diversos tipos de mate. No Espaço Cultural, entidades culturais desenvolverão oficinas sobre danças, música, gastronomia, jogos e trajes típicos, das etnias que contribuíram com a formação do povo rio-grandense.

 

O que ver na 13ª Mostra Científica Verde é Vida

– Quem disse que coisa boa não cai do céu?, da Escola Municipal Marciano de Carvalho, de Piên (PR)

– Dengue: melhor prevenir do que remediar, da Escola Municipal de Ensino Fundamental Prof. Arlindo Back, de Arroio do Meio (RS)

– Resgatando cultura e trazendo inovações nas propriedades rurais, da Escola Municipal de Ensino Fundamental Jacob Rech Segundo, de Arroio do Tigre (RS)

– Ecocultivo: A horta como importante ferramenta de educação ambiental e alimentar, da Escola Municipal de Ensino Fundamental Ervino Alberto Guilherme Konrad, de Arroio do Tigre (RS)

– Energia solar fotovoltaica, da Escola Municipal de Ensino Fundamental Padre Constantino, de Dom Feliciano (RS)

– Cultivando e Conhecendo a Noz Pecã, da Escola Municipal de Ensino Fundamental Emanuel, de Santa Cruz do Sul (RS)

– Fertilizantes Naturais, da Escola Municipal de Educação Básica Adolpho Sebastiany, de Sobradinho (RS)

– Nem tudo que é Doce é Bom, da Escola Municipal de Ensino Fundamental Felipe dos Santos, de Vale do Sol (RS)

– Levantamento investigativo dos mamíferos silvestres encontrados em uma área, da Escola Municipal de Ensino Fundamental Coronel Thomaz Pereira, de Venâncio Aires (RS)

– Erva Mate: do bosque para a cuia!, da Escola Municipal de Ensino Fundamental Ribeirão Matilde, de Atalânta (SC)

– Plantar bem para comer bem, da Escola Municipal de Ensino Fundamental Vila Gropp, de Atalânta (SC)

– Estudo da fitoterapia em uma comunidade escolar de Capinzal/SC, da Escola Municipal Ernesto Hachmann, de Capinzal (SC)

– Mostruário de sementes integrantes do programa Bolsa de Sementes, da Escola Municipal de Ensino Infantil e Ensino Fundamental Padre José de Anchieta, de São Miguel D’Oeste (SC).(Fontes: Afubra e Secretaria Municipal de Educação)